Tópicos Gerais sobre o Esoterismo

Tópicos Gerais sobre o Esoterismo 1280 720 V.M. Kwen Khan Khu

Na atualidade, existem muito poucas escolas que possuem o verdadeiro conhecimento esotérico. Lamentavelmente, a maioria das escolas mal chamadas “esotéricas” (religiões, doutrinas, crenças) levam muitas almas ao caminho do erro. Esta entrevista pretende ensinar, aos buscadores do conhecimento primigênio, a reconhecer as reais escolas de mistérios; e a estudar a fundo o dano causado à humanidade, as diferentes correntes religiosas ao longo da história, em sua luta por destruir o verdadeiro conhecimento, no qual se fundamenta a Gnose de ontem, hoje e sempre. Se nós buscássemos as origens do esoterismo, as mais remotas origens, isso francamente nos levaria às primeiras Raças que existiram sobre a face da Terra, naqueles dias em que o homem era a imagem e a semelhança de seu próprio Criador. O homem era um Elohim que caminhava sobre a face da Terra com todas as suas possibilidades internas desenvolvidas. Era o Adam-Kadmon da Kabala hebraica, que era por sua vez derivado do Adam-Ha-Rison que também comentam os textos cabalísticos hebraicos. Esse homem, gnosticamente falando, diríamos que era um Homem-Deus, um Homem com todos os poderes que lhe permitiam conectar-se tanto com o infinitamente grande ou o Macrocosmos como compreender o infinitamente pequeno, o atômico, o eletrônico. Era aquele homem que tinha o Verbo encarnado. Era ele mesmo, por si mesmo, o esoterismo vivente.